Yaqui Delgado Quer Quebrar Sua Cara - Meg Medina

by - domingo, maio 28, 2017


"Yaqui Delgado quer quebrar sua cara."

Um livro como esse não é muito fácil de ser lido. Quem já sofreu ou presenciou cenas de bullying entende como é difícil o dia a dia das crianças que se vêem perseguidas do dia para noite. Foi o que aconteceu com Piddy, uma garota nova na escola, com uma bunda bonita e um rebolado discreto ao andar. Isso foi o suficiente para virar sua vida inteira de cabeça para baixo.

Sobre o Livro:


Autor: Med Medina

  • Editora: Intrínseca
  • Numero de Páginas: 270
  • Lançamento: 2015
  • Skoob.
  • Onde Comprar: Saraiva

Piedad é latina, sua mãe Clara trabalha em uma loja de departamento. As duas viviam em um prédio muito antigo, com vizinhos ruim e nenhuma segurança. Mas depois de um acidente, uma escada que quebrou, mãe e filha se mudam para um novo apartamento e isso faz com que Pissy se afaste de seus amigos e também deixe sua escola.

Na escola nova Piddy não é muito bem recepcionada, a ameaça de Yaqui Delgado, uma garota que ela nunca viu, a pega de surpresa. Mas Piedad não enxerga verdade nem sentido nesse interesse repentino de Yaqui em si. Ela tenta ignorar ao máximo essa ameaça e se concentra em encontrar seu pai biológico.

Mas infelizmente Piddy não consegue escapar das ameaças. O medo constante de que algo lhe aconteça faz com que suas notas caiam, ela se afasta dos colegas e acaba brigando cada vez mais com a mãe. Yaqui Delgado Quer Quebrar Sua Cara é mais um livro forte que trata sobre bullying, Piddy é muito racional, ela não conta nada à ninguém pelo medo puro e justificável de que algo pior lhe aconteça.

"Vamos admitir: chamar a atenção para um aluno novo só vai fazê-lo virar o inimigo público numero um. E depois? Vou ser acusada de ser metida e puxa-saco." 

Uma personagem maravilhosa é Lila, melhor amiga da mãe de Piddy, é ela quem ajuda a menina e que também aconselha a fazer a coisa certa. A escrita da autora é muito fluída e divertida. Há momentos em que o leitor se diverte com a família latina e animada da protagonista, mas também momentos de tensão aos quais Piddy é exposta.


O livro tem uma pontinha de romance, Joey é um antigo vizinho de Piddy e os dois acabam se aproximando quando ela mais precisa. Mas tenho que dizer que a história dos dois não me convenceu muito, pareceu mais uma amizade inocente e um pouco indiferente também.

Achei super interessante um paralelo que podemos fazer na história. A mãe de Joey apanha do marido a anos. Todos no prédio sabem, até a própria polícia sabe do que acontece naquele apartamento, mas todas as vezes que alguém lhe oferece ajuda, a mulher diz que não aconteceu nada e se recusa à aceitar. Piddy vive a mesma situação, em uma escala diferente, mas no fundo as duas estão sufocando no próprio silêncio.

LEIA TAMBÉM EM NOSSO BLOG:

14 comentários

  1. Ola
    Fica claro o quanto a temática é profunda, e pelo que pude compreender, o livro se encarrega de expor bem sobre as consequencias né?! Fiquei bem curiosa a respeito dos personagens que você comentou, e não sei como não tinha lido nada a respeito. Espero poder ter a oportunidade de conferir também. Adorei a sua resenha!
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  2. Oi querida,
    Amei a sua resenha e ad fotos ficaram lindas. Que bom que mesmo gostando do livro você ressaltou alguns pontos da personagem e não ficou protelando sobre o livro. Eu vi esse livro em uma promo na saraiva, mas pensei que era sobre uma história boba (um young adult). Maid eu gostei do enredo e de todo esse cenário, porque hoje em dia esse assunto está sendo discutido e livros do gênero ajuda muito.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  3. Que nome exótico desse livro,sempre que vejo obras tratando sobre bulliyng é de uma forma mais sutil e tudo mais,porém esse parece ser mais forte,mais realista, mas confesso que a sinopse não chamou muito a minha atenção. Amei as fotos do post!

    ResponderExcluir
  4. Oie, tudo bom?
    Adorei a capa desse livro e a narrativa realmente trata de um assunto que precisa ser debatido hoje em dia. Quero saber mais sobre a vida dessa garota, quem estava ameaçando-a e como tudo se desenrolou. Adicionado a minha lista de desejos <3

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Esse é o típico livro que eu reluto muito em ler pois me angustia muito. Porém, também sei que não podemos somente ler o tal felizes para sempre e muito menos tapar o sol com a peneira, pois esse tipo de violência está gritando a plenos pulmões em todo lugar e precisamos estar atentos.

    ResponderExcluir
  6. Oi
    Já tinha visto esse livro algumas vezes e apesar da capa e do título serem bem sugestivos eu não fazia ideia de que trata-se de uma história sobre bullyng, não sei se é impressão minha, mas esse assunto está bem em alta, não é? Eu pelo menos leio em média umas três resenhas por dia de livros que abordam essa temática, antes não chegava nem a duas por mês. Apesar de achar super relevante falarmos e nos informarmos a respeito, temo pelo efeito inverso que toda essa exposição pode ocasionar. Mas esse já é assunto para uma outra outra. Não sei se eu leria o livro, como disse em antes o assunto está em alta e existem muitas obras abordando o mesmo pano de fundo, então eu busco olhar além da temática principal e buscar algo que me atraia.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    Por mais brutal que possa ser uma leitura do tipo, eu acho que é muito bom lermos e debatermos sobre esse assunto, que mesmo sendo algo horrível de se acontecer/sofrer/presenciar, já virou parte do nosso cotidiano, infelizmente. Já faz um tempo que quero ler esse livro, mas ainda não surgiu a oportunidade, espero que eu consiga esse ano haha.

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Já li muitas opiniões sobre esse livro e não sabia ao certo o que esperar, agora, pressinto que vou adorar, pois ele tem temáticas muitos interessantes. É assustador como a sociedade reage diante da agressão contra a mulher. No meu prédio tem uma que sofre com isso, todos sabemos, já contatamos a polícia, a família, mas ninguém faz nada, o que eu posso fazer? Insistir em chamar a polícia todas as vezes que acontece.
    Vou super anotar a dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oii!!
    Acho que livros sobre bullying são de suma importância atualmente. Vemos tantas pessoas passando por isso, e que não tem forças para buscar ajuda. Livros assim, caindo nas mãos de quem está passando por esse tipo de problema, se torna uma ajuda grandiosa. Achei a capa bem significativa, eu leria esse livro com certeza, o tema me atraí bastante.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. oi
    Após sua resenha,entrou para a lista dos obrigatórios para todos.Infelizmente o bullying como tem sido chamada essa atitude vil nos últimos tempos tem sido praticada em grande velocidade em nossa sociedade,principalmente entre os jovens e através dessa literatura atual podemos constatar mais um alerta.Bjs!!!

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bom?
    Já vi esse livro várias vezes por aí mas confesso que não sabia do que se tratava, até ler sua resenha. Livros com essa temática sempre me chamam muito a atenção e só por isso eu já leria, mas, a partir do momento que envolve esse drama pelo qual a mãe passou e aborda esse tema de agressão contra a mulher/familiar, já fiquei ainda mais curiosa. Uma pena que o romance não tenha convencido!
    Adorei a resenha!!


    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  12. Oi Vitória, como está?
    Já li uma resenha desse livro e ela foi bem positiva. Acho a temática muito interessante, além de importante em ser abordada considerando a quantidade de coisas desse tipo que acontecem com os nossos jovens em razão de preconceito e incapacidade de aceitação do outro. Está na minha lista de desejos futuros.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://rillismo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Que interessante a história do livro, principalmente por relacionar o bullying vivido pela menina na nova escola com a violência doméstica sofrida pela mãe, afinal é muito normal a garota ver a mãe suportar tudo aquilo e achar que deve suportar calada também.
    Enfim, deve realmente ser um livro bem pesado mas muito importante, fiquei com mta vontade de lê-lo

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Já ouvi falar muito desse livro e até estava muito curiosa com ele, fiquei feliz em ver que você gostou do livro e que recomenda. Gostei muito do enredo dele que parece muito marcante. Com toda certeza irei ler logo que tiver uma oportunidade!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir