Meus Livros Novos pt. 3

domingo, julho 17, 2016 , 0 Comentários


Bom dia, corujinhas!
Sobraram 5 (ou 6, dependendo do seu ponto de vista) livros dos quais eu não falei na parte 2 do posts, e agora, finalmente, vou mostrar todos eles para vocês!
Vou direto aos livros, sem enrolação:

1. The Bane Chronicles – Cassandra Clare com Sarah Rees Brennan e Maureen Johnson
Esse é um livro que eu estava louca pra ler já faz tempo, mas ele estava impossível de achar em inglês aqui no Brasil. Ele estava, portanto, no topo da minha lista de prioridades, e também é minha atual leitura (como podem perceber pela presença do meu marca páginas de coruja na foto).
“A vida do feiticeiro Magnus Bane é um dos maiores mistérios de Os Instrumentos Mortais e As Peças Infernais. Quem acompanha a saga dos Caçadores de Sombras, que chegou aos cinemas em super produção da Sony, já caiu pelos encantos do imortal, que agora ganha sua própria série. Em As Crônicas de Bane, Cassandra Clare se une a Maureen Johnson e Sarah Rees Brennan para revelar, em dez histórias, o mistério de seu passado — ainda mais nebuloso que seu presente.”
2. Red Queen – Victoria Aveyard
 
Antes de mais nada, podemos apreciar o nome lindo dessa autora, que é escrito com “c” e sem acento? Rsrsrs Esse livro está tendo um resultado muito positivo da crítica “profissional”, e não tem uma livraria em que eu vá que ele não esteja na entrada da loja, é incrível. Ele é um dos que estou mais curiosa para ler!
“O mundo de Mare Barrow é dividido pelo sangue: vermelho ou prateado. Mare e sua família são vermelhos: plebeus, humildes, destinados a servir uma elite prateada cujos poderes sobrenaturais os tornam quase deuses. Mare rouba o que pode para ajudar sua família a sobreviver e não tem esperanças de escapar do vilarejo miserável onde mora. Entretanto, numa reviravolta do destino, ela consegue um emprego no palácio real, onde, em frente ao rei e a toda a nobreza, descobre que tem um poder misterioso… Mas como isso seria possível, se seu sangue é vermelho? Em meio às intrigas dos nobres prateados, as ações da garota vão desencadear uma dança violenta e fatal, que colocará príncipe contra príncipe — e Mare contra seu próprio coração.”
3. Bright Young Things – Anna Godbersen
Esse eu aposto que ninguém ai conhece. Pela sinopse, ele parece um “Gossip Girl” na idade do Jazz. E como eu adoro tanto Gossip Girl como Jazz, fiquei mega curiosa para lê-lo!
PS: a sinopse a seguir é de minha tradução e de uso exclusivo para o Corujas de Biblioteca.
Em 1929, Manhattan brilhava com meninas jovens e brilhantes: melindrosas e socialites que perseguiam seus sonhos nos anos 20, onde “tudo era valido” Quando Letty Larkspur e Cordelia Grey trocam sua cidade natal do interior pela brilhante metrópolis de Nova York, Letty jura que sera uma grande estrela da Broadway, e Cordelia espera encontrar seu pai contrabandista — mas o mundo que elas encontram vai muito além do que elas imaginavam.
Agora vou falar um pouco dos dois próximos livros, que pertencem a série The 39 Clues. The 39 Clues é uma coleção que inicialmente tinha dez livros. Ela trouxe uma proposta super inovadora, que era o fato de cada livro ser de um autor diferente. Eu comecei a lê-la pelo fato de o livro 1 ser do autor Rick Riordan, do qual sou ridiculamente fã. Depois disso, continuei lendo por ter me apegado profundamente aos personagens.
Como a série teve grande sucesso, ela se estendeu e continua se estendendo, já estando em seu 4º ciclo. Entre cada ciclo, passam de dois anos, os personagens amadurecem, e novos conflitos se formam. E enquanto continuarem vindo mais livros, eu vou continuar lendo-os.
No Brasil, acredito que tenham sido traduzidos os dois primeiros ciclos completos.
Ambas as sinopses a seguir podem (e muito provavelmente vão) conter spoilers da série (infinita) de livros “The 39 Clues”, e ambas foram traduzidas por mim e são de uso exclusivo do Corujas de Biblioteca.
4. Flashpoint (livro 4, do ciclo Unstoppable, da série The 39 Clues) – Gordon Korman
 
Tic, Tac. Amy Cahill, 15 anos, tem apenas uma semana de vida. Um veneno corre em suas veias, e sua única esperança é juntar os ingredientes para um antidoto. É uma pena que esses ingredientes estejam espalhados ao redor do mundo, e que a sobrevivência de Amy seja o menor dos problemas que os Cahills tenham para resolver…
O antidoto que ela precisa também é a chave para derrotar seu mortal inimigo. J. Rutherford Pierce está a um passo de se tornar o homem mais poderoso da Terra, e se ele conseguir, ninguém mais estará a salvo. Amy, e seu irmão mais novo, Dan, farão o possível e o impossível para parar seu inimigo, mesmo que para isso Amy tenha que pagar o preço.
5. Mission Titanic (livro 1, do ciclo Doublecross, da série The 39 Clues) – Jude Watson
 
Com apenas 17 anos, Ian Kabra é o chefe dos Cahills, a família mais poderosa do mundo. Ele tem presidentes na discagem rápida, e generais a espera de ordens. Ele sabe que é um líder ideal, e o único para a função. Só há um pequeno problema: ele já pisou na bola, e feio.
Um Cahill do passado, que se autointitulou o Exilado, ressurgiu para desafiar Ian pelo poder, com um desafio impossível. O Exilado recriou 4 dos maiores desastres da história, e o Ian tem a missão de impedi-los. Se ele e seus aliados não conseguirem pará-los, vidas inocentes serão perdidas. Sua maior esperança é encontrar seus antigos aliados, Amy e Dan Cahill, mas acha-los pode exigir um grande sacrifício de Ian.
Considere como livro se quiser:
6. Composition Book – Betsey Johnson
Alguém já deduziu o que esse último é? Corujinhas, ele é uma BOLSA EM FORMATO DE LIVRO!!! Faz muito tempo que eu queria uma “clutch” assim, e quando encontrei essa, surtei completamente! Essa é da estilista Betsey Johnson, conhecida por seus itens fofos e divertidos!
E acabou😦 Agora esperem as Corujinhas aqui viajarem para ter mais especiais! Mas… pelo lado bom, vocês já sabem que resenhas esperar, certo?
Até logo, coruinhas!
Beijinhos,
IMG_1372

0 comentários: