O Enigma de Shalkas - André C. S. Santos

by - domingo, julho 31, 2016


Olá Corujinhas!
A resenha de hoje é sobre O Enigma de Shalkas, um livro de fantasia épico que nos leva junto com Noah a conhecer a história de seu pai, o misterioso Wood que ele nunca conheceu. Com uma narrativa intensa e cheio de aventuras o livro primeiro livro da Saga dos Escolhidos nos ambienta em Herégion muito bem!

Sobre o Livro:

Autor: André C. S. Santos
Editora: Arwen
Numero de Páginas: 436
Lançamento: 2015
Skoob.Onde Comprar: Site da Editora

 Já falei sobre minhas impressões sobre o livro aqui.
Noah mora com seu avô em Herégion, ele tem apenas 11 anos mas nunca conheceu seus pais, a mãe morreu logo após o parto e seu pai o abandonou por um motivo que Noah ainda desconhece. A história de Wood, seu pai, sempre foi muito bem guardada por seu avô, mas diante de novos acontecimentos, Noah tem a chance de saber mais sobre o pai.

Depois de uma visita ao contador de histórias, Theodor decide contar ao neto a história de Wood, e então o livro começa. Wood foi criado por uma mãe adotiva, que o encontrou em frente a sua casa com uma espada misteriosa, depois que sua vila foi atacada, Wood já adulto, sai de casa em busca de um lugar seguro para abrir e entender o que significa o embrulho que carrega, o que todos chamam de Enigma de Shalkas.

O início do livro foi mais difícil para mim, por ser o primeiro livro da saga o autor precisa nos ambientar bem na região e a vida de Noah e o Avô, mas as descrições do dia a dia acabaram fazendo minha leitura ser um pouco mais lenta que o normal. A partir do momento que a história de Wood começou a ser contada a história fluiu muito bem e eu não conseguia parar de ler. André escreve com cuidado e descreve os locais muito bem, as atmosferas são muito bem retratadas. O livro oscila muito entre presente e passado mas em nenhum momento isso fica confuso, o leitor sempre sabe em que ponto da história está.

Os personagens me impressionaram bastante, gostei de como foram construídos e da forma que todos parecem interligados. Não há nada que Wood passa que me pareceu desnecessário, os acontecimentos são bem amarrados o que me deixou mais atenta ao enredo, afinal, não queria perder nenhum detalhe porque poderia ser útil depois.

Eu gostei muito do livro, o autor comenta no final que o livro demorou muitos anos para ser escrito e podemos perceber um extremo cuidado com o enredo, tudo muito bem pensado e envolvente. O livro tem uma diagramação incrível, com páginas pretas antes de cada capítulo e uma frase que de certa forma resume o que virá a seguir. O enigma também pode ser desvendado pelo leitor, mas eu não consegui ainda! kkk Indico, com certeza, a todos os fãs de fantasia!

LEIA TAMBÉM EM NOSSO BLOG:

0 comentários