Primeiras Impressões: Endgame - O Chamado - James Frey e Johnson Shelton

by - quinta-feira, dezembro 14, 2017


Bom dia gente!

O semestre acabou!!!! Então estamos de volta a todo vapor aqui no blog! O resultado do nosso sorteio no insta já foi divulgado e logo logo traremos novidades para vocês. O post de hoje é para exaltar as primeiras páginas de Endgame. Comprei o livro por dois dólares numa lojinha no meio da Carolina do Norte e, quando se compra um livro tão barato, nem se espera muita coisa dele.... 

Mas Endgame tem me surpreendido demais. A leitura é cativante, cheia de detalhes e até, algumas vezes, bem humorada. Endgame é um jogo. O mundo vai acabar, isso é um fato. Mas cada um dos jogadores tem a chance de salvar sua própria linhagem se vencer o jogo e eliminar os outros jogadores.


Sinopse:

A história começa há doze mil anos, quando seres poderosos desceram do céu entre fumaça e fogo e criaram a humanidade, deixando-nos regras segundo as quais viver. Precisavam de ouro, e, para extraí-lo, instalaram aqui as doze linhagens que deram origem às nossas antigas civilizações. Quando conseguiram o que queriam, foram embora. Mas avisaram que um dia retornariam e que, quando isso acontecesse, seria para o Jogo. O Jogo que determinaria nosso futuro. Os Jogadores terão que achar três chaves, que estão espalhadas pelo planeta. Quem achá-las primeiro ganha. Endgame: O Chamado acompanha a busca dos doze Jogadores pela primeira chave.
Terra. Agora. Hoje. Amanhã. O Endgame é real e vai começar. O futuro ainda não está escrito. O que tiver que ser será. Doze jogadores. Jovens, mas pertencentes a linhagens ancestrais. Das quais descende toda a humanidade. Linhagens escolhidas milênios atrás. E que vêm se preparando desde então. Eles não têm poderes sobrenaturais. Não podem voar, não transforma chumbo em ouro nem curam a si mesmos. Quando a morte chega, eles morrem. Eles e todos nós. São os herdeiros da Terra, e cabe a eles resolver o Grande Mistério da Salvação. Um deles precisará conseguir fazer isso, ou todos estaremos perdidos. Leia o livro. Encontre as pistas. Decifre o enigma. Só um pode ganhar. O Endgame é real e vai começar.

As primeiras página do livro são meio difíceis de entender, cada capítulo nos apresenta um jogador e como eles se relacionam com Endgame. É meio complicado de acompanhar essa parte porque existem muitas coisas na própria diagramação do livro que complementam a leitura e no começo do livro ficamos meio perdidos. 


Mas assim que você consegue escolher seus jogadores favoritos, decorar aquele monte de nomes e entender o funcionamento do jogo, pronto. James Frey pegou você e vai ser difícil largar a leitura.

Estou muito animada com a leitura! A edição americana que eu comprei conta com 465 páginas, lindas ilustrações e uma capa dura de tirar o fôlego. Dei uma olhada na nossa edição brasileira, publicada pela Intrínseca, e eles parecem, novamente, ter feito um ótimo trabalho na tradução desse livro onde tudo tem significado.

Espero logo logo trazer pra vocês a resenha desse livro e também ler o próximo, porque estou apaixonada.



LEIA TAMBÉM EM NOSSO BLOG:

0 comentários