Meus Livros Novos pt. 1

domingo, julho 17, 2016 , 0 Comentários

meus novos livrosHoje vou mostrar para vocês os livros que comprei durante minha viagem nas férias de julho, assim vocês já sabem que resenhas esperar e também pretendo falar um pouco da edição de cada um deles também. Bom, durante essa viagem comprei treze livros, então vou apresentá-los para vocês em dois posts. Ah, todos eles estão em inglês então seus títulos e edições são diferentes das brasileiras.

     1. This Is What Happy Looks Like – Jennifer E. Smith (Resenha)
100_1118 Aqui no Brasil como “Ser Feliz É Assim” é um romance da mesma autora de “A Probabilidade Estatística do Amor a Primeira Vista” e se não tivesse me apaixonado o suficiente pela capa quando vi a escritora agarrei para comprar na hora! Aqui vai a sinopse pra vocês e a capa brasileira: “Graham Larkin e Ellie O’Neill não poderiam ser mais diferentes. O rapaz é um ídolo adolescente, um astro das telas de cinema; uma vida calcada na imagem. O cotidiano constantemente sob o escrutínio dos refletores. Agentes, produtores, RPs, assessores… Já Ellie passou a vida escondida nas sombras, fugindo de um escândalo do passado enterrado em sua árvore genealógica. Mas, mesmo sem aparentemente nada em comum, os dois acabam se conhecendo — ainda que virtualmente — quando Graham envia a Ellie, por engano, um e-mail falando sobre o porco de estimação Wilbur. Esse primeiro contato leva a uma correspondência virtual entre os dois, embora não saibam nem o nome um do outro. Os dois trocam detalhes sobre suas vidas, esperanças e medos. Então Graham agarra a chance de passar tempo filmando na pequena cidade onde Ellie mora, e o relacionamento virtual ganha contornos reais. Mas será que duas pessoas de mundos tão diferentes conseguirão ficar juntas? Será que o amor é capaz de vencer — mesmo — qualquer obstáculo? E mais importante… é possível separar ilusão de realidade quando o coração está em jogo? Esse romance prova que a vida — assim como o amor — é cheia de conexões inesperadas e enganos oportunos.
 2. Fuse – Julianna Baggott
100_1123
“Puros” é o primeiro livro da trilogia distópica de Julianna Baggott, é uma trilogia que gosto muito mas que não fez grande sucesso aqui no Brasil, por isso que tive que ir buscar o segundo durante a viagem. Essa distopia trata de um mundo futurista após uma guerra nuclear, o único lugar sem radiação é o interior de um grande redoma de vidro onde moram os ricos, porém a maior parte da população foi atingida pela radiação e sofreu mutações assim como praticamente todas as coisas vivas fora da cúpula. A história do primeiro livro foca em um garoto que mora na cúpula mas sai para procurar sua mãe que acredita não estar morta. Depois dessa introdução acho que fica mais fácil entender a sinopse:
“Em Fusão, voltamos a encontrar Pressia, a jovem determinada a descobrir os segredos do passado; Lyda, a guerreira; Bradwell, o revolucionário; El Capitan, o guarda e por fim Partridge, um Puro. Juntos organizam um grupo de guerrilha para pôr termo a um plano secreto e diabólico que está a ser arquitetado pela elite científica da Cúpula. Se conseguirem vencer milhares de vidas poderão ser salvas, mas se não, a humanidade corre um grave perigo… Este segundo volume da trilogia, iniciada com o volume Puros, é o relato de uma aventura épica mas é também uma história de amor inesquecível.”
     3. Fragmentada – Teri Terry  (Resenha)
100_1125 Depois que li “Reiniciados” eu me apaixonei completamente por essa distopia, os personagens são muito bem escritos e o fim do primeiro livro… lembro de ter ficados dias com aquilo entalado na garganta devido a tamanha surpresa que eu tive nas ultimas páginas.   Tenho que admitir que a capa brasileira é muito mais bonita que essa, mas quando fui comprar só tinha essa versão então… Bom, vou deixa vocês com a sinopse:
“Kyla não deveria se lembrar de nada quando foi reiniciada. Mas segredos do seu passado atormentam sua mente. Presa em uma luta contra a opressão dos lordeiros, e ansiando por liberdade, Kyla vê seu passado e presente colidir de uma forma que ameaça sua vida. Enquanto sua busca desesperada por Ben continua, em quem ela poderá confiar em um mundo repleto de segredos e mentiras?”
     4.  O Bicho-da-Seda – Robert Galbraith
100_1127 Eu sou uma grande fã da escrita da J. K. Rowling e depois de ler “O Chamado de Coco” e adorar tenho esperado como uma louca a chance de comprar o segundo também em inglês por motivos de quero todos na mesma língua. Bom, as capas são iguais e o título é realmente a tradução integral no Brasil! Vamos a sinopse:
“O detetive Cormoran Strike, protagonista de O Chamado do Cuco, está de volta, ao lado de sua fiel assistente Robin Ellacott, no segundo livro de Robert Galbraith, pseudônimo de J.K. Rowling. Dessa vez, o veterano de guerra terá que solucionar o brutal assassinato de um escritor. Quando o romancista Owen Quine desaparece, sua esposa procura o detetive particular Cormoran Strike. Incialmente, ela pensa apenas que o marido se afastou por alguns dias – como fez antes – e quer que Strike o encontre e o leve para casa. Mas, à medida que investiga, fica claro para Strike que há mais no sumiço de Quine do que percebe a esposa.
O escrito acabara de concluir um livro retratando maldosamente quase todos que conhece. Se o romance fosse publicado, a vida deles estaria arruinada -assim, muita gente pode querer silenciá-lo. E quando Quine é encontrado brutalmente assassinado em circunstâncias estranhas, torna-se uma corrida contra o tempo entender a motivação de um assassino impiedoso, diferente de qualquer outro que Strike tenha encontrado na vida.”
     5. A Cura Mortal – James Dashner  
100_1130 Nem sei o que dizer desse, todos conhecem a história de The Maze Runner e ao ler o primeiro livro eu gostei muito, o segundo mais ainda! As resenhas deles já estão prontas e vão ser postadas em breve para vocês conferirem a minha opinião, mas enfim. Amo as capas americanas da saga,  acho bem mais bonitas que as brasileiras. Sinopse traduzida por mim:
“CRUEL já tirou tudo de Thomas: sua vida, suas memórias, e agora seus únicos amigos – os clareanos. Mas tudo está finalmente acabado. As provas estão completas, depois de um teste final. O que CRUEL não sabe é que Thomas se lembra de muito mais do que eles pensam. E isso é suficiente para que ele saiba que não pode confiar em nada do que eles dizem. Thomas saiu do labirinto. Sobreviveu as Provas de Fogo. Eles vai arriscar tudo para salvar seus amigos. Mas a verdade pode ser o que acaba com tudo isso.”
 6. O Retrato de Dorian Gray – Oscar Wilde
100_1132 Eu tenho muita curiosidade em conhecer a escrita dos grandes escritores americanos e Oscar Wilde é um deles, por isso quando achei esse livro com essa edição tive que comprar. Eu já iniciei a leitura e só digo para vocês não se assustarem com o fato de ser um clássico, eu estou amando a narrativa e já tenho muitas partes e frases favoritas. Vamos a sinopse:
“Dorian Gray é um belo e ingênuo rapaz retratado pelo artista Basil Hallward em uma pintura. Mais do que um mero modelo, Dorian Gray torna-se inspiração a Basil em diversas outras obras. Devido ao fato de todo seu íntimo estar exposto em sua obra prima, Basil não divulga a pintura e decide presentear Dorian Gray com o quadro. Com a convivência junto a Lorde Henry Wotton, um cínico e hedonista aristocrata muito amigo de Basil, Dorian Gray é seduzido ao mundo da beleza e dos prazeres imediatos e irresponsáveis, espírito que foi intensificado após, finalmente, conferir seu retrato pronto e apaixonar-se por si mesmo. A partir de então, o aprendiz Dorian Gray supera seu mestre e cada vez mais se entrega à superficialidade e ao egoísmo. O belo rapaz, ao contrário da natureza humana, misteriosamente preserva seus sinais físicos de juventude enquanto os demais envelhecem e sofrem com as marcas da idade.”

0 comentários: