Meu Coração e Outros Buracos Negros - Jasmine Warga

by - quinta-feira, junho 08, 2017



"Ás vezes, imagino que meu coração é como um buraco negro - tão denso que não há espaço para luz, mas isso não significa que não possa me sugar para dentro dele." - pág. 88

Meu Coração e Outros Buracos Negros é um livro muito diferente que trata sobre a depressão. Aysel tem 16 anos e uma certeza, ela vai se matar, só precisa de um parceiro de suicídio.

Sobre o Livro:


Autor: Jasmine Warga

  • Editora: Rocco
  • Numero de Páginas: 312
  • Lançamento: 2016
  • Skoob.
  • Onde Comprar: Amazon

Aysel mora em uma pequena cidade no Kentucky e vive assombrada pela reputação do pai. Desde que ele foi preso a vida dela vai de mal a pior, a menina mora com a mãe e sua nova família e sua principal companhia é a tristeza.

O pai de Aysel está preso, ele cometeu um crime horrível e todos os dias ela tem medo de ser como ele, capaz de cometer atrocidades, e é principalmente por isso que Aysel quer se matar, ela vai se matar, só precisa de um pouquinho de coragem e talvez de um parceiro que não deixe que ela desista do seu objetivo.


"Depressão é como um peso de que não se pode escapar. Ele esmaga você, faz até as menores coisas, tipo amarrar os tênis ou mastigar uma torrada, parecerem uma corrida de trinta quilômetros montanha à cima. A depressão faz parte de você; está nos ossos e no sangue. Se sei alguma coisa sobre isso, é o seguinte: é impossível escapar." - pág. 18

Em busca desse parceiro, Aysel checa todos os dias o site Passagens Tranquilas um tipo de fórum para suicidas, onde alguns deles procuram parceiros. E é por meio desse site que ela conhece Roman, RobôCongelado,  ele quer se matar no dia Sete de Abril, e precisa de alguém que pule junto com ele, para ter certeza que vai conseguir.

Roman e Aysel começam os preparativos para o suicídio. Aos poucos eles vão se conhecendo e juntos começam a entender seus motivos. Mas no meio de tanta tristeza, um sentimento aparece. Aysel percebe nos olhos cor de amêndoa de Roman, que talvez, valha a pena viver. Quem sabe exista alguma coisa depois de Sete de Abril.

Eu adorei esse livro! Apesar de tratar de um tema tão sério como a depressão e o suicídio, o tom do livro é leve e muito delicado. Jasmine consegue transmitir toda a tristeza dos personagens, mas sem romantizar o sentimento. Acho que isso é uma das coisas muito importantes sobre esse livro, Meu Coração e Outros Buracos Negros não romantiza a morte, seus personagens não são bons porque são tristes. São personagens incríveis que se mostram a cima de tudo humanos.

"Será que é assim que a escuridão vence, convencendo-nos a prendê-la dentro de nós, em vez de jogá-la fora?"- pág. 187

E assim como qualquer ser humano, eles são capazes de deixar as coisas para trás e seguir em frente. Não se trata de um livro comum do gênero, é uma pequena jornada de descoberta. Aysel aprende que pode lutar contra a tristeza que vive dentro dela e essa esperança é acesa por Roman, mesmo que ele não enxergue salvação para si.

Eu não sei se consegui mostrar para vocês a essência desse livro. As personagens encaram a depressão como uma coisa sem volta, um ultimato que só lhes permite morrer. Mas o amor acaba abrindo e colorindo os olhos deles e... ah... só lendo para entender.

Hoje foi mais um dia do nosso especial 12 dias de Romance!! 

Confere o vídeo e se inscreve no nosso sorteio:



LEIA TAMBÉM EM NOSSO BLOG:

0 comentários